ENCONTROS DO CENA

O Encontros do Cena se configura como um espaço internacional de intercâmbio cultural e artístico na programação do Cena Contemporânea, articulando e dinamizando os processos de discussão e colaboração criativa envolvendo artistas, produtores, pesquisadores, gestores culturais, patrocinadores e gestores de políticas públicas de cultura no Brasil e no exterior. A cada edição, fomenta e estimula o compartilhamento de experiências estruturantes e inspiradoras, o debate de ideias, a formulação de propostas, a criação de redes e parcerias.

LOCAL: AUDITÓRIO II DO MUSEU NACIONAL DE BRASÍLIA

Dias 1, 2 e 3 de setembro



[MESA 1 – SEXTA] – 10h

ENCONTROS E DESENCONTROS DE DOCENTES E DISCENTES

TEMA: Mesa com professores-artistas das três instituições de ensino acadêmico das artes cênicas do DF – UnB, Faculdade de Artes Dulcina de Moraes e IESB.


[CONVIDADOS]

PEDRO DULTRA (UnB) – Iluminador por formação prática no mercado de trabalho, habilitado em direção teatral na graduação pela Universidade Federal da Bahia e mestre pela mesma universidade. Desde o ano de 2015, é professor na UnB no curso de artes cênicas, onde além de ministrar disciplinas do currículo, coordena as ações formativas do laboratório de iluminação.

FERNANDO VILLAR (UnB) – Diretor, autor, encenador e professor do Departamento de Artes Cênicas e do Mestrado em Artes Cênicas da Universidade de Brasília. Pós-graduado em Direção Teatral no Drama Studio London e Ph.D em Teatro e Performance no Queen Mary College, University of London. Fundador dos grupos Vidas Erradas (1983-1989), Teatro Universitário Candango (TUCAN, 1992-2008) e CHIA, LIIAA! (2007). Trabalha com diferentes artistas, grupos, escolas e universidades do Brasil, Europa e Américas.

SILVIA PAES (Faculdade de Artes Dulcina de Moraes) – Atriz e mestre em artes pela Universidade de Brasília e atual diretora da Faculdade de Artes Dulcina de Moraes, na qual também leciona desde 2005, além de ter coordenado os cursos de extensão da mesma entre 2007 e 2008. É multiplicadora da técnica de Teatro do Oprimido de Augusto Boal desde 2006 e foi coordenadora pedagógica do TEAR – Troca de Experiência Artística e Reinserção em 2013. Desde 2004, integra o grupo teatral Teatro do Concreto e divide trabalhos de atriz entre teatro e cinema.

FERNANDO MARTINS (Curso de Teatro do IESB) – Mestre em arte, pelo Instituto de Artes da Universidade de Brasília IdA /UnB (2011), graduado em Artes Cênicas pelo Departamento de Artes Cênicas da Universidade de Brasília CEN / UnB e coordenador do Curso de Teatro - Bacharelado do Centro Universitário IESB. Atua como diretor, ator e dramaturgo na companhia Teatro dos Ventos Confraria Artística, onde produziu inúmeros espetáculos e performances teatrais desde 2008.


[MEDIAÇÃO]

DIEGO PONCE DE LEON – Artista-jornalista.

Atuou como correspondente, repórter, colunista, setorista e crítico de teatro do Correio Braziliense, tendo se destacado pela série de entrevistas com nomes máximos do teatro nacional, como Fernanda Montenegro, Tarcísio Meira, Bibi Ferreira, Marieta Severo, entre outros. No âmbito artístico, atua na fotografia e na performance, além de ser pesquisador na pós-graduação em artes cênicas da Universidade de Brasília (UnB). Participa como curador, crítico e convidado de eventos como Festival de Teatro de Curitiba, Festival Internacional de Teatro de Belo Horizonte e Palco Giratório. Coordena os núcleos de Encontros do Cena e Atividades Formativas do Cena Contemporânea.


[DEBATEDORES]

JOVENS CURADORES – Larissa Souza, Gustavo Haeser, Roberto Dagô, Yuri Fidelis e Jessica Cardoso – Cria do Cena, os Jovens Curadores impulsionam o debate sobre curadoria, festivais, crítica e intervenção por meio de provocações que respiram a jovialidade acadêmica, mas que não se escusa da densidade do debate.



[MESA 2 – SEXTA– 15h]

POLÍTICAS PÚBLICAS PARA FESTIVAIS DE TEATRO

TEMA: Mesa com representantes oficiais do Ministério da Cultura, da Secretaria de Cultura do DF, da Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados, além de diretores de festivais.


[CONVIDADOS]

MÁRCIO TAVARES – Historiador, curador e assessor técnico da Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados.

ALEXANDRE VARGAS – Diretor artístico e coordenador geral do Festival de Teatro de Rua de Porto Alegre.

MÁRCIA DIAS – Curadora do Tempo Festival - Festival Internacional de Artes Cênicas do Rio de Janeiro.

GUILHERME REIS – Ator, diretor, secretário do Estado de Cultura do Distrito Federal e idealizador do Cena Contemporânea – Festival Internacional de Teatro de Brasília.


[MEDIAÇÃO]

SÉRGIO BACELAR – Idealizador e coordenador do FTB – Festival do Teatro Brasileiro, realizado pela Alecrim Produções, que busca um intercâmbio entre as produções artísticas de diferentes estados do país.


[PROVOCAÇÃO]

GUILHERME MARQUES – Diretor-geral do CIT-Ecum Centro Internacional de Teatro Ecum e idealizador da MIT - Mostra Internacional de Teatro de São Paulo.



[MESA 3 – SÁBADO, 15h]

PROTOCOLOS CURATORIAIS LOCAIS

TEMA: Mesa com curadores de festivais, editais e mostras teatrais e artísticas do DF.


[CONVIDADOS]

DIEGO PONCE DE LEON (Cena Contemporânea) – Jornalista, setorista e pesquisador de teatro. Curador, crítico, jurado e convidado de festivais como o próprio Cena Contemporânea, Festival de Teatro de Curitiba, Palco Giratório e Prêmio Sesc do Teatro Candango. Curador local da programação da edição 2017 do Cena e coordenador dos núcleos de Encontros do Cena e Atividades Formativas do Cena Contemporânea.

RAFAEL TURSI (CÉU – Festival de Teatro Universitário de Brasília) – Mestre em arte pela Universidade de Brasília (2014), Tursi leciona como professor de artes da Secretaria de Educação do Distrito Federal, e como professor nas áreas de Teoria, Pedagogia e Interpretação Teatral, no Departamento de Artes Cênicas da Universidade de Brasília. Coordenador do festival CÉU, que busca a integração, trocas e reflexão sobres os processo de ensino e aprendizagem em artes cênicas.

JANAÍNA MELLO (¼ de Cena) – Atriz, produtora, consultora e realizadora de projetos culturais, diretora de teatro, cinema e audiovisual. Graduada em Produção Audiovisual e Cinema pela Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS (2008) e mestre em arte pela Universidade de Brasília – UnB (2014). Em Brasília, desde 2010 atua na produção de exposição de artes plásticas, na produção local e mediação de espetáculos de teatro. Idealizadora, curadora e coordenadora do Festival de Cenas Curtas ¼ de Cena.


[MEDIAÇÃO]

JOSUEL JUNIOR – Ator, palhaço, diretor, professor e produtor cultural brasiliense formado em Educação Artística e em Artes Cênicas pela Fundação Brasileira de Teatro - Faculdade de Artes Dulcina de Moraes/DF. Tem trabalho ativo em teatro, televisão e fotografia, além de coordenar a Fábrica de Teatro, companhia que desde 2009 integra a programação anual de mais de 15 festivais internacionais de teatro, circo e performance em países da América Latina.


[DEBATEDORES]

JOVENS CURADORES – Larissa Souza, Gustavo Haeser, Roberto Dagô, Yuri Fidelis e Jessica Cardoso - Cria do Cena, os Jovens Curadores impulsionam o debate sobre curadoria, festivais, crítica e intervenção por meio de provocações que respiram a jovialidade acadêmica, mas que não se escusa da densidade do debate.


[MESA 4 – DOMINGO– 10h]

RODA DE OPORTUNIDADES (OU FEIRÃO DOS FESTIVAIS)

TEMA: Uma rodada informal de trocas e apresentações de trabalhos entre grupos do DF e diretores e curadores de festivais nacionais e internacionais.


[CONVIDADOS]

GUILHERME MARQUES – Diretor-geral do CIT-Ecum Centro Internacional de Teatro Ecum e idealizador da MIT - Mostra Internacional de Teatro de São Paulo.

PAULA DE RENOR – Atriz, produtora e diretora da Remo Produções Artísticas desde 1983. Produziu diversos espetáculos de teatro, incluindo duas coproduções internacionais com Portugal e Holanda. É uma das produtoras do Janeiro de Grandes Espetáculos – Festival Internacional de Artes Cênicas de PE.

GORDO NETO – Ator e diretor, dramaturgo e articulador de políticas culturais. É idealizador do Festival Maré de Março, da Bahia.

JACQUELINE DE CASTRO – Gestora e produtora cultural. Dirige e produz a Mostra Internacional de Solos e Duos - 1, 2 na Dança e também a Mostra Internacional de Dança para Espaço Urbano – Horizontes Urbanos, de Minas Gerais.

JORGE VERMELHO – Diretor e curador do festival Janeiro Brasileiro da Comédia de São José do Rio Preto.

MÁRCIA DIAS – Curadora do Tempo Festival - Festival Internacional de Artes Cênicas do Rio de Janeiro.

Realização

Patrocínio

Apoio

Incentivo e fomento

Este projeto é realizado com recursos da Lei de Incentivo à Cultura do Distrito Federal e do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal.